Notícias

5 de Janeiro de 2018

Administração da UESPI se reúne com governador e apresenta demandas para 2018

Por Jônatas Freitas

A administração superior da Universidade Estadual do Piauí esteve reunida na tarde desta quinta (04) com o governador Wellington Dias, no Palácio de Karnak, com o intuito de prestar agradecimentos pela contribuição na gestão 2014-2017, bem como informar sobre o andamento de processos e apresentar algumas demandas para 2018. Dentre estas, um concurso para técnicos administrativos e obras de infraestrutura em campi do interior e da capital. Além disso, também ficou marcada a data da posse da nova gestão: 29 de janeiro, às 11h, na UESPI.

Gestores acreditam que 2018 será um ano com menores dificuldades para a UESPI

Outra demanda foi uma ajuda do governo estadual para manter programas como o auxílio-alimentação, visto que o Governo Federal ainda não lançou para este ano um edital do PNAEST (Programa Nacional de Assistência Estudantil para as Instituições de Educação Superior Públicas Estaduais). A UESPI tinha acesso a recursos do PNAEST por ter aderido ao SISU em 2012.

“Acertamos a programação para prosseguir com investimentos em estrutura, equipamentos, apoio aos estudantes, quadro de professores e quadro técnico”, comentou o governador Wellington Dias. De acordo com ele, a UESPI é uma das universidades com maior presença dentro do estado quando comparada com outras universidades estaduais, e por conta disso será importante para concretizar um dos maiores desejos para 2018, que é a implementação do ciclo completo da educação em todos os municípios.

“A UESPI vai nos permitir esse ano, junto com a universidade federal, chegar a todos os municípios com a educação superior, e isso também com o cuidado de colocar profissões que não estão saturadas”, acrescenta o governador, a respeito de implantar cursos que tenham relação com o potencial econômico e social de cada região.

“Foram demandas de ordem geral, como assistência estudantil, concurso para técnicos administrativos, construção de melhores estruturas para o funcionamento da universidade,além de demandas que envolvem o coletivo docente, como progressão e promoções, que precisam ser encaminhadas”, relatou o reitor da UESPI, Nouga Cardoso Batista. Segundo Nouga, a receptividade do governador para com todas as pautas foi positiva, ficando agora para a UESPI o trabalho de montar comissões que melhor estruturarão cada uma das pautas e apresentar viabilidade de implantação.

Joseane Leão, Bárbara Melo, Wellington Dias, Nouga Cardoso, Geraldo Eduardo, Raimundo Isídio e Evandro Alberto

Ainda de acordo com o reitor, a UESPI durante o ano de 2017 conseguiu contratar e receber todos os projetos arquitetônicos de construção dos campi no interior do estado, reformas de alguns deles, e também fazer regularização fundiária. E no momento, a UESPI conta com as condições de fazer licitação de todos os prédios que a universidade precisa, nesses diferentes territórios de desenvolvimento.

Para finalizar, o governador também deu boas vindas à nova gestão, que contará com o novo vice-reitor, Evandro Alberto. “Vamos ter um 2018 melhor, manter a sintonia, o estreitamento. As vitórias mostram a coragem de encarar problemas e apresentar soluções no prazo adequado. O papel da UESPI será de cada vez mais destaque, ampliando oportunidades na educação enquanto outros estados estão reduzindo”, finalizou.

Fonte:
Assessoria de Comunicação - UESPI
comunicacao@uespi.br